terça-feira, 28 de maio de 2013

Veteranos : SL Marinha X Ponte Rol


sexta-feira, 24 de maio de 2013

Iniciados : Miguel coloca justiça no marcador e permite ao SL Marinha a conquista da Taça Distrital


Final da Taça Distrital de Leiria – Iniciados
Estádio Municipal da Batalha
Árbitro: André Mendes, auxiliado por Luís Dionísio e Eduardo Brites
Assistência: 300 espectadores
.Golo de Miguel já na parte final do encontro, coloca justiça no marcador e permite ao SL Marinha juntar a Taça Distrital de Leiria, à anterior conquista do Campeonato Distrital. Época brilhante dos comandados de Hélder Serra.
.
SL Marinha – 1
Zé, Bernardo, Afonso, Carlos, Oliveira, Diogo (Cap.), Pedro (Telmo, aos 35 min.), Leandro (Ricardinho, aos 35 min.), Joselino (Miguel, aos 35 min.), Marcelo, Bica (Tiago Duarte, aos 70 + 3 min.)
Suplentes Não Utilizados: Barros, Gonçalo e Edu
Treinador: Hélder Serra
Adjunto: Barros
.
AD Portomosense – 0
Carapinha (Cap.), Dias (Leonardo, aos 65 min.), Matias, Bispo, Guilherme, Bual, Daniel, Luís, Pires (Ferreira, aos 45 min.), Monteiro, Afonso Brito
Suplentes Não Utilizados: Miguel João, Durão, Gonçalo Rei, Morgado e Adrien
.
Ao Intervalo: 0-0
Golo: 1-0 Miguel (Aos 65 min.)
Acção Disciplinar: Amarelo a Bernardo (aos 61 min.), Miguel (aos 65 min.) e Diogo (aos 75 min. + 3)
.
Com o belíssimo Mosteiro da Batalha como pano de fundo, e com as bancadas bastante bem compostas, o Estádio Municipal da Batalha recebeu este domingo a decisão da Taça Distrital de Leiria, no escalão de Iniciados. Frente a frente as equipas do SL Marinha e da AD Portomosense.
Tal como se esperava, desde cedo foi a equipa do SL Marinha a assumir a iniciativa do jogo, perante uma equipa da AD Portomosense mais na expectativa e a procurar explorar o contra-ataque. Apesar do completo domínio do jogo, e de alguns lances de muito perigo, o golo tardava em aparecer, umas vezes por mérito do guardião Carapinha, outras por demérito dos avançados do SL Marinha, como o foi o caso de Marcelo, que com tudo para fazer golo, remata por cima da trave da baliza de Carapinha.
Para a 2ªParte Hélder Serra lançou em campo os rapidíssimos Miguel e Ricardinho, o que se veio a revelar uma estratégia acertada, pois foram deles que partiram alguns dos lances mais perigosos, mas o golo tardava em aparecer, apesar das muitas oportunidades. Com o passar dos minutos e o jogo a encaminhar-se para a sua fase final, a equipa da AD Portomosense começava também a ganhar mais confiança.
Até que aos 65 minutos, Diogo na marcação de um livre a colocar a bola na área da AD Portomosense, com a bola a chegar a zona do 2ºposte, onde Miguel, mais rápido que os defesas, a trabalhar bem e a finalizar com êxito, inaugurando o marcador. Finalmente em vantagem no marcador, e com o jogo a encaminhar-se para a sua fase final, a equipa do SL Marinha foi gerindo o jogo como mais lhe convinha, procurando não correr riscos em demasia que pudessem colocar em causa a vantagem que detinha.
Vitória justíssima da equipa do SL Marinha, pois desde o apito inicial foi sempre a equipa mais perigosa em campo e aquela que dispôs de mais ocasiões de golo, perante uma boa equipa da AD Portomosense, que fez pela vida, mas que não teve argumentos para travar a equipa do SL Marinha, que junta assim a conquista da Taça Distrital, ao título de Campeão Distrital da Divisão de Honra.
Excelente arbitragem de André Mendes e seus pares.

terça-feira, 21 de maio de 2013

Seniores perdem na Pelariga

Campo Dinis dos Pinheiros, na Pelariga
Árbitro: José Pereira, assistido por Ricardo Carreira e Joni Correia
Assistência: cerca de 80 pessoas
.
GD Pelariga 2
Treinador: Ricardo Silva
João Matias, Jimmy, João Gonçalves (Fábio Roxo, 89m), Nélson, Paulito, Fábio Pereira, Henrique (Damien, 72m), Eduardo Marto (Bruno Ferreira, 83m), Bajedas e Felipe

.
Sl Marinha 0
Treinador: Vítor Duarte
Nuno Rodrigues, Simão, Edgar, Tiago André, João Paz (João Roldão, 53m), Joaquim Pedro, Nando (Roslan, 79m), Nuno Santos, Diogo Marques , Figueiredo (Jorge, 69m) e JP.
.
Ao intervalo: 1-0
Marcadores: Eduardo Marto (12m e 58m)
Acção disciplinar: Amarelo a Joaquim Pedro (25m), Felipe (34m), Edgar (37m), Bajedas (56m). Vermelho por acumulação a Felipe (64m).
.
Num jogo nem sempre bem disputado, a Pelariga derrotou o Lisboa e Marinha por 2-0. A figura do encontro foi o médio Eduardo Marto, que apontou os dois golos do encontro.
Os primeiros minutos da partida foram equilibrados, até que ao minuto 13 a Pelariga chegou ao golo por Eduardo Marto, que perante Nuno Rodrigues inaugurou o marcador.
O golo foi muito contestado pelo banco do SL Marinha, dado que o jogador do SL Marinha marcou rapidamente a falta com a bola a bater no jogador da Pelariga que estava perto do lance. José Pereira mandou seguir a jogada.
Reagiu o Lisboa e Marinha, com Nando a estar perto do golo. A meio do primeiro tempo foi a vez de Edgar ter oportunidade de marcar, mas não teve discernimento para bater o guarda-redes João Matias.
Nesta fase era a formação de Vítor Duarte que estava com sinal mais no encontro, mas sem conseguir marcar. O intervalo chegou e o resultado era lisonjeiro para a Pelariga, dado que as melhores oportunidades pertenceram ao seu adversário.
No segundo tempo entraram melhor os locais e, nos primeiros dez minutos, esteve com sinal mais na partida. Nesta fase, o avançado Diogo Neves esteve muito perto do golo, mas perante Nuno Rodrigues foi demasiado perdulário. Aos 58 minutos, Eduardo Marto chegou ao 2-0 na transformação de um livre direto. Seis minutos depois, a Pelariga ficou reduzida a dez elementos por expulsão de Felipe.
Até final, o SL Marinha dispôs de três oportunidades para marcar, mas algum azar e João Matias impediram o golo dos visitantes. Na parte final do encontro teve lugar a despedida emotiva do defesa-central João, que saiu do campo emocionado sob um forte aplauso da massa associativa.
José Pereira realizou uma má arbitragem. Na primeira parte esteve desastrado, melhorou um pouco no segundo tempo. Decisão duvidosa ao expulsar Felipe por simulação, quando nos pareceu haver razão para a marcação de uma grande penalidade.
O defesa João Gonçalves despediu-se dos relvados.


 Cid Ramos

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails